29 de fev de 2012

MEC vai incluir ciências na Prova Brasil, informa ministro.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse nesta quarta-feira (29), em audiência pública no Senado, que irá incluir a disciplina ciências na Prova Brasil, a principal avaliação da educação básica. O exame, aplicado pelo Ministério da Educação (MEC) aos alunos do 5º e 9º anos do ensino fundamental a cada dois anos, até o momento mede apenas o desempenho em matemática e português.

 

Foto: Agência Brasil
O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em audiência no Senado

Mercadante não disse se a mudança já valerá para a próxima edição da prova, marcada para 2013. O exame é um dos principais componentes do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), indicador que avalia a qualidade do ensino oferecido por escolas, municípios e Estados. A última edição foi aplicada em 2011 e os resultados do Ideb serão divulgados neste ano. Todas as redes de ensino e escolas têm metas a serem atingidas até 2022, estipuladas em 2007 pelo MEC.
Com a inclusão de ciências na Prova Brasil, o exame fica mais próximo ao Programa Internacional de Avaliação (Pisa). O teste internacional é aplicado pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) em mais de 60 países e mede as habilidades dos alunos em linguagens, matemática e ciências. O Brasil melhorou seu desempenho no programa de 2000 a 2010, mas continua nas últimas posições do ranking.


Leia também:

28 de fev de 2012

2012 - Ano Bissexto

 
 
fonte: http://nossoespaconageografia.blogspot.com/2010/05/terra.html

A Terra situada a 149.000.000 de km do Sol, leva 365 dias e um quarto para dar uma volta completa em tomo do astro-rei, num movimento conhecido como translação.ou seja 5 horas e 48 minutos aproximadamente, o chamado ano solar. Então, em um ano com 365 dias, a Terra não fecha uma órbita completa, ainda faltam quase 6 horas para isso acontecer.

Isso significa que logo no primeiro dia do ano seguinte, em um determinado horário, a Terra estará 6 horas “atrasada” em sua trajetória no espaço em relação ao mesmo evento do ano anterior. A cada quatro anos, esse atraso soma quase um dia.
A cada movimento de translação completo, temos um ano.

O ano bissexto (366 dias) ocorre a cada 4 anos, com a finalidade de somarmos o quarto de dia que sobrou nos anos anteriores.

O movimento de rotação, aquele realizado pela Terra em torno de seu próprio eixo, num tempo de 23 horas, 56 minutos, e 4,095 segundos, arredondando-se para 24 horas, é conhecido como dia.
O último ano bissexto foi 2008 e o próximo será 2016.
A origem do nome bissexto advém da implantação do Calendário Juliano em 45 a.C. que se modificou evoluindo para o Calendário Gregoriano que hoje é usado em muitos países a todos os quais ocorrem os anos bissextos.
 
foto: Dina Carvalho

Dentro de um contexto histórico, a inclusão deste dia extra, dito dia intercalar, ocorreu e é feita em calendários ditos solares em diferentes meses e posições. No Calendário Gregoriano é acrescentado ao final do mês de Fevereiro, sendo seu 29º dia.

E consequentemente neste ano teremos 8 Feriados Nacionais e 8 pontos facultativos, como podemos observar na imagem abaixo:

foto: Portal R7



 Referências:
Ano Bissexto. Disponível em:http://pt.wikipedia.org/wiki/Ano_bissexto

Movimento de translação. Disponível em :http://nossoespaconageografia.blogspot.com/2010/05/terra.html
 

24 de fev de 2012

Cientistas descobrem novo planeta composto por água

Um maior parte de água e com uma leve atmosfera de vapor. A informação foi divulgada nesta terça-feira (21) pelo Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian (em Cambridge, nordeste dos Estados Unidos) e pela Nasa.

Trata-se de um planeta fora de nosso sistema solar denominado "GJ1214b", descoberto em 2009 graças ao telescópio espacial Hubble da Nasa. Segundo estudos recentes de um grupo de astrônomos, ele tem "uma enorme fração de sua massa" composta de água.
Imagem divulgada pela Nasa mostra o planeta orbitando uma estrela vermelha há 40 anos-luz da Terra.  (Foto: AFP Photo / Nasa / ESA / D.Aguilar)Imagem divulgada pela Nasa mostra o planeta orbitando uma estrela vermelha há 40 anos-luz da Terra. (Foto: AFP Photo / Nasa / ESA / D.Aguilar)
 
Em nosso sistema solar existem três tipos de planetas: rochosos e terrestres (Mercúrio, Vênus, a Terra e Marte), gigantes gasosos (Júpiter e Saturno) e gigantes de gelo (Urano e Netuno).
Por outro lado, existem planetas variados que orbitam em torno de estrelas distantes, entre os quais há mundos de lava e "Júpiteres" quentes.

"Observações do telescópio espacial Hubble da Nasa acrescentaram este novo tipo de planeta", ressaltou comunicado conjunto do Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian e da Nasa. Os estudos foram realizados pelo astrônomo Zachory Berta e por um grupo de colegas.

Características

 O "GJ1214b", situado a 40 anos luz da Terra, é considerado uma "super-Terra", com 2,7 vezes o comprimento de nosso planeta e sete vezes seu peso.
Ele orbita a cada 38 horas ao redor de uma estrela vermelha anã e possui temperatura estimada de 450 graus Fahrenheit (232 graus celsius).

fonte: G1

21 de fev de 2012

A importância das ESCOLHAS e de saber VIVER!

Durante nossa vida vivemos fazendo escolhas.Você confirma isso?!
Digo que a única escolha que não seja possível foi de vir ao mundo, pois esta foi direito de nossos pais.
O filósofo dinamarquês Kierkegaard já nos advertia que a escolha é uma realidade intrínseca à nossa existência.
Mas devemos descobrir a beleza da viva!
Saber viver é preciso... saber fazer escolhas é necessário!

E acompanhando esse tema compartilho com vocês  esses vídeos abaixo:







18 de fev de 2012

Aniversário do BLOG CIÊNCIA É ...

Exatamente 2 anos atrás fiz aprimeira postagem aqui no BLOG CIÊNCIA É....


Agradeço aos seguidores, visitantes, e amigos!
E continuo aguardando as visitando e agradeçendo os comentários!


Obrigada!
Profa Dina Carvalho

E para comemorar...

Vamos relembrar a primeira postagem!


Uma breve história da Biologia
Na Antigüidade, as pessoas não tinham idéia de como as coisas vivas funcionavam. As primeiras pesquisas em biologia se iniciaram a olho nu. Vários livros, escritos por volta de 4000 a.C. (atribuídos a Hipócrates, o "pai da Medicina") descrevem sintomas de algumas doenças comuns, e atribuem suas causas à dieta, ou a outros problemas físicos, e não à obra divina. Apesar disso, pouco se conhecia sobre a composição dos seres vivos. Acreditava-se, então, que a matéria era composta por quatro elementos (fogo, terra, ar e água), e os corpos vivos, em geral, de quatro "humores": sangue, bile amarela, bile preta e flegma. As doenças em geral teriam origem no excesso de algum desses componentes.


Aristoteles resumo pensamento biografia
Aristóteles

fonte:http://www.consciencia.org/aristoteles.shtml

Aristóteles, na Grécia, não foi somente um grande filósofo, mas também um grande biólogo, ao compreender que o conhecimento da natureza requeria observação sistemática. Desse modo, ele reconheceu um volume espantoso de ordem no mundo vivo, agrupando os animais em duas categorias gerais (com sangue e sem sangue), que correspondem por pouco às classificaçõs atuais de vertebrados e invertebrados. Mesmo sem contar com instrumentos em suas observaçõs, grande parte de seu raciocínio permanece válido até hoje.



Galeno

fonte: http://usuarios.cultura.com.br/jmrezende/construtores.htm

Já Galeno, romano do século II d.C. percebeu que somente a observação cuidadosa das partes externa e interna (esta, por dissecção) de plantas e animais não seria o bastante para compreender a biologia. Ele se esforçou, por exemplo, para compreender a função dos órgãos dos animais. Mesmo sabendo que o coração bombeava sangue, Galeno não podia descobrir, só observando, que o sangue circulava e voltava ao coração. Ele então supôs que o sangue era bombeado para "irrigar" os tecidos e que novo sangue era produzido de maneira ininterrupta para reabastecer o coração. Essa idéia errônea foi ensinada por quase 1500 anos.




William Harvey

fonte: http://www.ahistoria.com.br/biografia-william-harvey/
Somente no século XVII que William Harvey, inglês, apresentou a teoria de que o sangue flui sem cessar em uma direção, fazendo um circuito completo, e voltando para o coração. Ele calculou que, se o coração bombeia 60g de sangue por batida, a 72 batidas por minuto, em uma única hora, ele teria bombeado 240kg de sangue, ou seja, 3 vezes o peso de um homem! Já que fabricar tanto sangue em tempo tão curto seria impossível, o sangue teria que ser reutilizado. Esse raciocínio lógico, auxiliado pelos algarismos indo-arábicos, em apoio a uma atividade não observável não tinha precedentes.
O ritmo da investigação científica se acelerou na Idade Média. Muitas plantas foram descritas pelos primeiros botânicos (Bunfels, Bock, Fuchs e Valerius Cordus).




Carl Lineu

fonte:http://www.algosobre.com.br/biografias/carl-lineu.html

Lineu ampliou o trabalho de Arist´teles, criando as categorias de classe, ordem, gênero e espécie. Uma idéia de origem comum da vida passou a ser discutida a partir de semelhanças entre os diferentes ramos da vida.

Apesar do progresso rápido, a biologia estacionou quando o olho humano já não era mais suficiente. Só no século XVII é que lentes foram reunidas em um tubo, formando o primeiro microscópio. Começava a descoberta de um novo mundo, derrubando conceitos tradicionais sobre a vida.
A teoria celular foi então formulada em princípios do século XIX, por Matthias Schleiden e Theodor Schwann. Estes concluíram que as células constituem todo o corpo de animais e plantas, e que, de certa maneira, elas são unidades individuais com vida própria.



Naturalista britânico
Charles Robert Darwin

fonte:http://educacao.uol.com.br/biografias/charles-robert-darwin.jhtm

Isso ocorreu na mesma época das viagens de Darwin e da publicação de "A origem das espécies". Mesmo sem conhecer a célula, Darwin conseguiu extrair sentido de grande parte da biologia em nível acima da célula. Ele não criou a teoria da evolução, mas a defendeu sistematicamente, e ainda formulou a maneira como ela funciona - através de seleção natural atuando sobre variações.

Mesmo com a teoria celular, por razões físicas, o microscópio óptico não permitia a visualização de detalhes da estrutura da célula. Com a descoberta do életron em fins do século XIX e do microscópio eletrônico décadas depois, novas estruturas subcelulares foram descobertas, como o orifícios do núcleo, ou a membrana dupla das mitocôndrias.

Experiências em laboratório começam a desvendar alguns mistérios: a síntese de uréia (resíduo biológico) a partir de cianato de amônio (não-biológico) em 1828 por Wölher; a cristalização da hemoglobina por Hoppe-Seyler; a descoberta de que as proteínas são constituídas por aminoácidos. Este último fato chamou a atenção, e uma nova técnica - a cristalografia de raios X - foi criada para estudar a estrutura protéica.





http://qnint.sbq.org.br/qni/visualizarTema.php?idTema=33

Em 1958, Kendrew determinou a estrutura da mioglobina (uma proteína) através dessa técnica. Apesar da complexidade, esse estudo abriu caminho para Watson e Crick trabalharem com o ADN. Eles descobriram a estrutura helicoidal dupla do ADN, marcando o início da bioquímica moderna.

Hoje, o uso de computadores e algumas inovações experimentais permitem estudar enzimas, proteínas e ácidos nucléicos de modo mais fácil, desvelando assim os princípios do funcionamento no nível básico da vida.


fonte:http://www.ime.usp.br/~cesar/projects/lowtech/vinc/breve.html 

TUCUMÃ, consumidores em alerta!


MANAUS -  Os consumidores devem ficar atentos na hora da alimentação fora ou dentro do lar, para evitar as chamadas doenças transmitidas por alimentos (DTA), conforme alertam os especialistas em ciências biológicas e tecnologia do alimento da Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (FUCAPI) e da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Defensores do consumo de frutos regionais, como tucumã, açaí, castanha e pupunha os profissionais advertem sobre os cuidados necessários para o manuseio, armazenamento e preparo destes e outros alimentos.
As dicas, que servem de alerta a consumidores e orientação aos comerciantes do segmento de alimentação, foram dadas pelos especialistas no 1º Curso de Capacitação em Boas Práticas na Manipulação de Alimentos, encerrado pela FUCAPI na última sexta-feira (10). A capacitação gratuita reuniu cerca de 30 trabalhadores da área, como microempresários, feirantes, ambulantes e comerciantes de tucumã in natura.

 “É preciso combater essa cultura de ‘o que não mata, engorda’, com muito esclarecimento”, enfatiza Eneida Nascimento, doutora em Ciências Biológicas pela Universidade Federal Rural da Amazônia.

Recente estudo feito por alunos do curso de Biotecnologia da instituição constatou a presença de coliformes fecais em 100% das amostras de tucumã em lascas coletadas em Manaus.

Ao consumir alimentos, as pessoas devem observar as condições de higiene do local, da pessoa que está vendendo o item e a aparência do produto. No caso de quem faz o manuseio do alimento é preciso ter, sempre, mãos bem limpas, usar luvas de preferência, cabelos amarrados, nada de adornos e nunca pegar em dinheiro”, destacou Eneida Nascimento.

Em relação ao tucumã in natura, disse a pesquisadora, é importante o consumidor evitar levar para casa um fruto escurecido, batido e, principalmente, aqueles em que as pessoas cravaram as unhas para verificar se há bastante polpa. “Por meio da unha, milhões de micróbios nocivos à saúde podem ser transferidos para o alimento”, afirmou.

Outros cuidados
O coordenador do curso Superior de Tecnologia em Alimentos da UEA, Carlos Victor Bessa, convidado para ministrar parte do curso, explicou que a DTA mais comum é a chamada infecção alimentar. “Em 30 minutos, a pessoa sente os efeitos de uma infecção, que se manifesta através de sintomas como vômito, dores abdominais, diarréia, náuseas e, febre, em alguns casos”, frisou. Segundo ele, os alimentos que mais causam DTA são ovos mal cozidos ou crus (especialmente usados no preparo de maionese caseira), carne vermelha, sobremesas, água, leite, entre outros.

De acordo com Bessa, alimentos contaminados pela bactéria Clostridium botulinun podem ocasionar um tipo de intoxicação alimentar fatal – o botulismo, que pode matar em até duas horas. Neste sentido, o cuidado deve ser na hora de consumir alimentos em conversa ou embutidos, onde não circulam oxigênio e a bactéria se reproduz. “As salsichas, por exemplo, devem ser cozidas até estourar, para garantir que atingiram temperatura acima de 100º, na qual é possível eliminar a maioria das bactérias, entre elas, a causadora do botulismo”, justificou. Os enlatados exigem cautela. A dica é nunca comprar latas amassadas. “Liberam substâncias altamente tóxicas ao organismo”, disse.

A compra de alimentação em vias públicos eleva o risco da pessoa adquirir uma DTA. “Só o fato de ser uma barraca em um local aberto, o alimento está sujeito à poeira da rua, que traz milhões de micróbios”, ressaltou. Para assegurar a saúde, a regra é segurar a fome até chegar um local mais adequado e evitar o famoso “churrasquinho de gato” e a “banca de café da manhã no meio da rua”.

fonte:
Portal Amazônia 

13 de fev de 2012

Bebidas alcoólicas são vistas no microscópio

Bebidas alcoólicas são vistas no microscópio
por Redação Galileu

A empresa americana Bevshots resolveu registrar microscopias de diferentes bebidas alcoólicas. O resultado são imagens incríveis que parecem, até mesmo, obras de arte.

Com o zoom de até mil vezes, usando um microscópio de alta tecnologia, foi possível mostrar que cada líquido tem formato único. Confira:

Editora Globo
Champagne vista no microscópio.//Crédito fotos: bevshots.com

Editora Globo
Vodca e água tônica


Editora Globo
Vodca

Editora Globo
Vinho tinto
Editora Globo
Martini

Editora Globo
Uísque

Editora Globo
Pina Colada

2 de fev de 2012

A importância do planejamento escolar



“O Planejamento é processo e, como tal, irá gerar um produto ou produtos, que podem ser planos de trabalho ou planos de ação com temporalidade definida e áreas específicas para a sua aplicação.

Os produtos gerados a partir do planejamento são instrumentos flexíveis, que auxiliam o desenvolvimento do trabalho da escola nas dimensões pedagógica, política e administrativo-financeira.

O processo de planejamento exige uma atenção permanente ao projeto político-pedagógico da escola e, por isso mesmo, permite acompanhá-lo e avaliá-lo. Os produtos gerados pelo processo de planejamento deverão assegurar a operacionalização do projeto político-pedagógico, garantindo aquelas características citadas anteriormente, ou seja, a de manutenção do instituído e instituição do novo.”

Contudo quero registrar a importância do professor fazer uso do planejamento na prática de suas atividades profissionais.
“O planejar é uma ação indispensável a vida pessoal e profissional, seja da área da educação ou das demais áreas.”

Todo o docente que assim faz torna sua aula mais dinâmica, atraente e os objetivos traçados têm mais chance de serem alcançados. Além disso, consegue tornar a sala de aula um verdadeiro local de pesquisa e de aprendizagem mutua (de professor para aluno e de aluno para o professor).

Na construção do planejamento o professor tem como checar mais precisamente as características de sua turma bem como suas dificuldades, para apartir daí saber como passar os conteúdos disciplinares com maior êxito tanto para si como para o alunado.

Concluo então que o educador que se empenha e considera o ato de planejar suas aulas, demonstra ser um profissional capacitado, responsável, consciente e que ama o que faz. Por isso revela grandes indícios de trilhar uma promissora e feliz carreira profissional e pessoal.

Finalizo este texto agradecendo a todos os professores, em especial ao colegas da Escol Municipal “Irmã Cristine” que estão durante esta semana realizando seus planejamentos para o ano de 2012. Quero revelar a ansiedade de por em prática as propostas planejadas.

Um ótimo ano letivo a todos!